Acabamento Antiviral

Pensando na urgência de mais recursos que avancem sobre o combate ao Corona Vírus, a Santanense foi em busca da mais alta tecnologia disponível no mercado, apresentando aos seus clientes e parceiros, o novo Acabamento Antiviral.

Tecidos podem servir, tanto como material de proteção, como vias de proliferação e transmissão de vírus, fungos e bactérias. Sendo assim, para tornar tecidos em verdadeiras barreiras de proteção da pele contra líquidos e secreções contaminados, é necessário que estes tecidos recebam os acabamentos adequados.

Para confecção de máscaras, vestimentas e acessórios com alto índice de proteção, a Santanense desenvolveu o Acabamento Antiviral. Os tecidos que recebem o Acabamento Antiviral, criado através de nanotecnologia, são capazes de agir diretamente nos microrganismos infecciosos, neutralizando-os, garantindo a integridade e o equilíbrio natural da pele em apenas 2 minutos.

O Acabamento Antiviral é fundamental para tornar as máscaras de tecidos em artigos de alta proteção individual. Uma vez que as máscaras são vetores em potencial de disseminação de microrganismos. Antes, durante ou após o seu uso, existe sempre o risco de contaminação ao pegar, colocar, ajustar, retirar ou descartar as máscaras.

O Acabamento Antiviral da Santanense foi desenvolvido através da Tecnologia AG+FRESH by NANOX – Nanotecnologia Têxtil. O NNXC Ag+Fresh Hybrid é uma fórmula que utiliza um complexo de prata estabilizada com compostos orgânicos a base de água, que inibe o crescimento e proliferação de bactérias, fungos e vírus.

Sua aplicação é indica em superfícies com potencial para vetores de doenças, tais como tecidos.

Os resultados obtidos através da análise de testes em amostras foram capazes de demonstrar que o produto não induziu nenhum processo de fotossensibilizante e fotoirritante e também não induziu nenhum processo de irritabilidade dérmica primária, irritabilidade dérmica acumulada ou sensibilização. Sendo o produto seguro para uso tópico em conformidade com o Guia da ANVISA, 2012.

ISO 18184 – 99.9% de redução de Sars-CoV-2 em 2 minutos.

AATCC 100 – 99.9% de redução de Bactérias e Fungos.

Sempre importante lembrar que, mesmo utilizando tecidos Santanense com o Acabamento Antiviral, todos as medidas preventivas indicadas pela Organização Mundial da Saúde – OMS, são válidas. Distânciamento social, uso adequado de máscaras, assepsia constante do ambiente e das mãos, evitar tocar o rosto e outras medidas, são muito importantes na contenção de doenças contagiosas, em especial, o COVID-19.

 

Gostou? Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
pt_BR